Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Carpe Diem

A alegria é a saúde da alma

Carpe Diem

A alegria é a saúde da alma

Inseguranças, receios....

por Gisela Baptista aka Tasmaniapt, em 28.03.12

Sim ainda sinto inseguranças e não tenho motivos aparentes para isso mas de vez em quando bate a insegurança de novo!
Sim eu sei que é um disparate mas que posso fazer se acontece...
Irracional q.b.
Sinto que por vezes estas inseguranças resultam de receios parvos mas se eles existem temos de os assumir...

Se tenho razões para me sentir assim....por um lado parece que não por outro sinto que sim....

Será que a mente não pode tirar férias e deixar-me apenas desfrutar....

Se calhar até podia mas não seria a mesma coisa...

os receios fazem parte da vida e essa é para ser vivida e desfrutada...

Sei que sou mais forte que os meus receios e isso é que me faz andar para a frente...

mas por vezes "bate" uma dose de realidade e voilá a insegurança paira....

 

Carpe Diem

Querer ajudar é importante...

por Gisela Baptista aka Tasmaniapt, em 18.03.12

mas também precisamos de saber quando devemos parar....

Porque não só podemos estar a invadir a vida dos outros como a destruir a nossa auto-estima.

Sim porque fazemos tudo o que podemos para animar os outros e depois vimos que no fim as coisas ou não correm bem....ou então quem ajudamos simplesmente ignora-nos....

E isso mata a nossa auto-estima.

Não sou de extremos...

Ofereço a minha ajuda mas quando não a querem paro.

Não sou de desistir mas também não gosto que me ignorem...

Tenho a minha mão estendida mas agarra-la depende de quem a precisa....

Há quem diga que sou franca e directa demais....concordo por vezes sou mas tenho sentimentos...

E tenho o mau feitio de dizer o que sinto e não costumo deixar nada por dizer....

Não tenho as respostas todas nem quero...não sou nem melhor nem pior que os outros SOU APENAS EU!

Não julgo porque não gosto que me julguem...

Penso que posso ajudar à "minha maneira" e sei que nem sempre é a melhor maneira de ajudar....

 

Carpe Diem

 

 

Desfrutar

por Gisela Baptista aka Tasmaniapt, em 14.03.12

Posso dizer que continuo desfrutando de tudo o que a vida me dá...

o bom e o menos bom...

o mau não tem lugar na minha vida...pode acompanhar-me por um bocado mas depois vai-se embora porque eu TEIMO em não o deixar ficar :D

Por norma não me salta a tampa mas quando salta....

Voltando ao desfrutar.....

Sim sabe bem ver a minha filha feliz...

Sim sabe bem ver a minha família realizada....

Sim sabe bem desfrutar do que temos....

Sim estou bem e não o importo de o dizer!!

Devemos ser congratularmo-nos pelo que temos e não pelo que podíamos ter tido ou ter feito de outra maneira....

Por vezes é dificil mas é bom deixar-nos ir ao sabor da corrente que nos é favoravel :D

Desfrutar sem receios nem agenda....muito embora queiramos fazer isto ou aquilo ou gostavamos que alguém o fizesse....vou apenas DESFRUTAR!!

 

Carpe Diem

 

Surpresas...

por Gisela Baptista aka Tasmaniapt, em 13.03.12

Por vezes somos surpreendidos e embora não seja pela negativa também não se pode dizer que e pela positiva...
Ficamos sem reacção e começamos a pensar em muitos cenários e a maior parte deles embora plausíveis são quase irreais...
Depois pensamos que "cego é aquele que não quer ver"...e isto tem haver com os esqueletos no armário que voltam a dar o ar da sua graça... Será que conseguiremos seguir em frente? O tempo o dirá....

 

Carpe Diem

A vida ainda me surpreende ;)

por Gisela Baptista aka Tasmaniapt, em 06.03.12

E sempre que isso acontece apercebemo-nos que temos de a VIVER :D


Quer seja na preocupação da minha filha quando me vê triste e diz mãe eu estou aqui;
Quer seja na surpresa e atencão que ela toma as pequenas coisas que lhe proporciono;
Quer seja num telefonema a meio do dia que sem querer acende uma vela ao futuro;
Quer seja o ombro das amigas que sem falarem nos AJUDAM;
Quer seja numa conversa que acaba "descambando" sem receios nem "agenda" e nos deixa em PAZ!

Sim sinto-me bem comigo mesmo tal como sou :D

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D